logo

11 de março de 2017

A maldição dos cachorros

 Se tem uma coisa que me deixa extremamente revoltada é pobre com mania de riqueza. Não tenho nada contra os animais, e sou absolutamente contra qualquer tipo de mal trato, ultimamente tenho visto no meu dia a dia, na minha casa, na casa das minhas avós, os vizinhos, o povo na internet, tratando cachorro como gente, e menosprezando a vida humana. Já me deparei com a seguinte frase "existe cachorro que é melhor do que muita gente" ou seja, deixa de pô comida de qualidade na mesa para comprar ração de marca cara, shampoo, condicionador, perfume, medicamentos desnecessários, coleiras cheios de detalhes, pintam as unhas, escovam os dentes, dão banho todos os dias, e levam ao veterinário toda semana. Sim caro leitor! Isso acontece na minha família, na minha casa tinha oito cachorros e hoje tem quatro e eles vivem dentro de casa, comem, bebem e ainda deitam no sofá. Acredito que poderia ter um conforto melhor se não acontecesse esses gastos desnecessários, mais como a casa não é minha e o dinheiro não é meu eu prefiro não me intrometer na vida deles.

 Acho ridículo esse tipo de comportamento sendo que tem tantas pessoas na rua passando fome e necessidade, até água gelada o cachorro bebe, casinha, roupinha, brincos, festas de aniversário, sapatos e etc... Por isso muitas pessoas tem vivido uma vida solitária, elas acreditam que ninguém poderá entender suas frustrações, magoas, raivas, DESILUSÕES AMOROSAS, sentimentos e etc... Sendo que um animal não tem entendimento, ou seja é irracional. Mais por ele abanar o rabinho e lamber suas pernas elas acreditam que seja uma forma de expressão do animal respondendo o que a pessoa fala, sente ou pergunta... Sendo que o cachorro não entende nada. Muitas vezes me deparo com essas situações no meu dia a dia, cachorros deitados no sofá, atrás do vaso sanitário, dormindo em cima das camas, urinando e defecando tudo, rasgando as roupas do varal, enchendo tudo de pelo, e deixando aquele cheiro especifico de cachorro dentro de casa! E quando me deparo com pessoas beijando na boca de cachorros? Que nojo!

 As pessoas preferem mil vezes um cachorro de raça, caro e comprado numa loja veterinária do que adotar um bichinho que está jogado no meio dá rua e passando fome... Tudo para se amostrar, fazer fotos para postar no Instagram, enfiar uma gravata no pescoço do cachorro, até fazem poses e tratam o animal como se fosse um entretenimento. O pior de tudo é dormir com um animal! Acho isso um absurdo... O cheiro do cachorro, os pelos ficam tudo na coxa dá cama, e quando tem pulgas e carrapatos nem se fala, e ainda tem gente que se submete a essas bizarrices.

 Animal é animal, e gente é gente... A vida humana sempre vai está em primeiro lugar, eu jamais vou passar fome para dar minha comida para um animal, jamais vou deixar de ajudar uma pessoa dá rua para ajudar um gato ou um cachorro, até acho bonitinho lá no fundo do quintal tomando conta dá casa, um ou até dois, agora três, quatro ou mais acho uma alienação, um exagero e uma falta de vergonha na cara, principalmente para pessoas que não tem nem aonde cair morta, as pessoas precisam dar valor ao que tem, tanta criança por aí com fome, tanta gente precisando de dinheiro, de uma roupa... Principalmente na crise que estamos, todo mundo reclamando dá falta de dinheiro para dar vida boa pra cachorro. Deus me livre de ter animais na minha futura casa, conviver com a sujeira que eles fazem não é nada fácil, e principalmente quando as pessoas que convivem com você usam os bichos para INFERNIZAR a sua vida, aí é que não dá mesmo.

 Prefiro gastar o meu dinheiro com coisas necessárias, principalmente com o que preciso para depois ajudar alguém que realmente necessita, ajudar na medicação de um doente, alimentar uma pessoa de rua ou comprando o leite de uma criança que passa fome do que com um cachorro, gato, periquito, papagaio, peixe... Ou qualquer tipo de bicho de estimação. Animais são seres irracionais, incapazes de se defenderem de ataques de espíritos malignos, trazendo males como enfermidades, dissensão, improsperidades e etc. Em Marcos capítulo 5, vimos um exemplo disso, onde os porcos não foram capazes de se defenderem dos demônios. Hoje já vimos até pessoas que tem relacionamentos com animais, mais esse assunto eu prefiro deixar em OFF.

 A maior preocupação dá sociedade hoje é com a ração do cachorro. Será que devemos deixar de fazer testes em animais também? Para poder agradar os defensores incansáveis dos animais? Essas pessoas deveriam se dispor a esses testes, para que fossem feitos nelas, já que tem tanta pena dos bichos assim. Devemos vegetar e comer só folhas e vegetais para não agredir o animal? Sendo que Deus os colocou na terra para nos servir?

Postar um comentário